Como Calcular o Valor da Empresa pelo Lucro ou EBITDA

Como Calcular o Valor da Empresa pelo Lucro ou EBITDA

Apesar de não ser tão comum, é possível avaliar sua empresa com base em seu lucro ou ainda EBITDA. O que precisamos deixar claro desde o início é que não existe um método infalível ou que você obterá sucesso com o objetivo pretendido.

Afirmamos isso pois existem dezenas de metodologias. E em cada metodologia, é possível integrar como o avaliador analisa a situação da empresa e para onde ela vai no futuro. E esse fator é extremamente subjetivo. Mas por outro lado, também é possível utilizar algum tipo de múltiplo de lucro ou múltiplo de EBITDA.

Nesse último, é importante averiguar qual amostra de empresas está sendo utilizada para ver se faz sentido usar o múltiplo em questão para fazer o valuation da sua empresa.

Boa leitura!

Como Calcular o Valor da Empresa Através do seu Lucro

É comum ouvir quem algum empresa foi vendida por “tantas vezes” o seu lucro ou faturamento. Especialmente em programas de TV, como o Shark Tank.

E quando um negócio pretende ser vendido somente levando em consideração seu lucro, provavelmente seu comprador ou investidor irá perguntar por que você acha que aquele número faz sentido.

Por exemplo, se você projeta um faturamento de 2 milhões de reais no próximo ano, e um lucro 500 mil reais e você pedir, digamos, 5 milhões pela empresa, você estará pedindo um valor que equivale um múltiplo de 2,5x o faturamento ou ainda 10x o lucro.

Repare que o exemplo acima é meramente para fins de explanação.

Valuation pelo lucro (múltiplos)

Quem irá julgar se sua empresa está cara ou não é o comprador e também por quanto se negocia empresas parecidas com a sua.

Podemos dizer então que, se a média é negociar entidades com faturamento, localização e setor parecidos com o seu por, digamos, 2x o faturamento ou 5x o lucro, você está pedindo um múltiplo de receita ou vendas muito alto, e que dificilmente você conseguirá negócio.

Mas talvez você tenha um diferencial competitivo, o que poderá fazer diferença em uma eventual negociação.

Repare que negociar empresas privadas, especialmente PMEs, é muito raro conseguir identificar múltiplos de lucros atuais e de empresas extremamente similares com a sua, pois estes dados quase nunca são divulgados.

Ebook Valuation PME

Valuation pelo lucro utilizando o método do Fluxo de Caixa Descontado

O método do Fluxo de Caixa Descontado é muito utilizado em negociações. O lucro em si não é a variável mais importante, mas faz parte do cálculo.

O FCD utiliza o fluxo de caixa livre para realizar as projeções de crescimento da empresa.

O FCL pode ser calculado da seguinte maneira:

FCL = lucro + despesas sem efeito caixa +/- alteração no capital de giro – capex

Eis a explicação de Assaf Neto porque é importante projetar os fluxos de caixa utilizando o FCL:

O Fluxo de Caixa Livre é o valor de caixa que a empresa é capaz de gerar livre de despesas, necessidades de reinvestimento e investimento em giro. Resumindo o FCL é o resultado de caixa obtido além do necessário para financiar seus investimentos e prover crescimento da empresa. É o excesso operacional de caixa que pode ser destinado aos credores e acionistas (no caso os sócios). Basicamente é o que “sobra” para pagar credores e sócios depois de pagar as despesas e necessidades de reinvestimento.

Como Calcular o Valor da Empresa Através do EBITDA

Se sua empresa for promissora, por exemplo uma empresa de tecnologia/software e existe uma expectativa de crescimento acentuado rápido.

Existe a possibilidade que você receba uma oferta de compra de várias vezes seu último EBITDA.

E para calcular seu EBITDA, segue a fórmula:

EBITDA = Lucro Operacional (EBIT) + Depreciação + Amortização

A lógica para chegar no valuation do seu negócio é semelhante ao do lucro, pelo menos através do método dos múltiplos.

Valuation pelo EBITDA (múltiplos)

Nesse cenário será importante obter algum múltiplo de EBITDA para calcular o valor da firma.

Como mencionamos anteriormente, tente obter números atualizados e o mais coerente com seu negócio, para assim aumentar a sensação de segurança durante a negociação.

Ao identificar um múltiplo de EBITDA, digamos de 3x, se seu EBITDA for 3 milhões, logo o valor do ativo, de acordo com essa métrica será de 9 milhões.

Conclusão

Durante uma rodada de negociações, o valuation da sua empresa deve ser o mais transparente possível.

E o que seria “mais transparente possível”?

Tanto o vendedor quanto o comprador devem apontar como chegaram no cálculo do EBITDA e lucro da empresa, pois na maioria dos casos, sempre cabe algum tipo de ajuste. Na grande maioria dos casos os documentos contábeis podem inclusive serem deixados de lado, caso não reflitam a realidade.

Com os ajustes feitos e uma eventual concordância entre as partes em termos de método, fica muito mais fácil chegar num denominador comum.

Valutech: Plataforma online de Valuation para PMEs

A Valutech foi desenvolvida por especialistas em valuation para que você possa avaliar sua pequena ou média empresa sem o auxílio de ninguém, e o melhor: cabe no seu bolso.

Conheça alguns benefícios em utilizar nossa ferramenta:

  • não é necessário nenhum conhecimento em contabilidade ou valuation;
  • seus documentos contábeis não refletem a realidade? não tem problema, utilize seus dados gerenciais, o importante é a avaliação ser coerente;
  • a ferramenta te auxilia nos momentos mais sensíveis do processo de valuation;
  • A Valutech computa o risco mais aplicável ao seu negócio de acordo com dados totalmente atualizados;
  • são dois métodos de valuation no relatório pelo preço de apenas um;
  • nossa equipe está sempre pronta para tirar suas dúvidas (chat, e-mail ou Whatsapp);
  • e muito mais.

Acesse nosso site e comece agora mesmo.